USO DE ÓLEO DE LINHAÇA (LINUM USITATISSIMUM L.) COM AÇÃO CICATRIZANTE PARA TRATAMENTO E PREVENÇÃO DE ÚLCERAS DE PRESSÃO

Voltar

 A presente patente de invenção refere-se ao uso de óleo de linhaça (Línumusitat/ssirnurn L.) com ação cicatrizante para tratamento e prevenção de úlceras de pressão. Foram avaliadas toxicidade, irritação e sensibilização dérmicas e reparação tecidual do óleo de linhaça em roedores e coelhos. Para a avaliação da toxicidade, foram utilizados diferentes modelos experimentais, utilizando camundongos e ratos. Na verificação da atividade sob a reparação tecidual, foram utilizados modelos de feridas, exicisional e incisional, de ratos Wistar, avaliando a contração e re-epitelização da ferida. Os resultados obtidos revelaram que o óleo de linhaça não apresentou toxicidade, irritação ou sensibilização dérmicas nos modelos animais utilizados. Com relação à reparação tecidual, o grupo tratado com o óleo de linhaça iniciou o processo de re-epitelização, significante, quando comparado ao grupo controle vaselina. A administração tópica de óleo de linhaça em feridas experimentais excisionais, possibilitou a re-epitelização em 100% dos animais tratados e não causou danos à pele integra, indicando assim um potencial de ação terapeutica do óleo de linhaça o qual poderá ser utilizado no processo de dermo-reparação.

 Use of linseed oil (linum usitatissimum L.) with healing action for treatment and prevention of pressure ulcers. the present invention relates to the use of linseed oil (linguaumusitat / ssirnum L.) with healing action for the treatment and prevention of pressure ulcers. toxicity, dermal irritation and sensitization, and tissue repair of linseed oil in rodents and rabbits. To evaluate the toxicity, different experimental models were used, using mice and rats. in the verification of the activity under tissue repair, we used wistar rats, excisional and incisional, of wistar rats, evaluating the contraction and re-epithelialization of the wound .; the results showed that flaxseed oil did not present dermal toxicity, irritation or sensitization in the animal models used. with respect to tissue repair, the group treated with linseed oil started the re-epithelization process, significant, when compared to the vaseline control group. the topical administration of linseed oil in excisional experimental wounds allowed re-epithelialization in 100% of the treated animals and did not cause damage to the skin, thus indicating a potential therapeutic action of flaxseed oil which can be used in the treatment process. dermo-repair.

ICS - Instituto de Ciência da Saúde
Medicina
  • Status:
    Concedida
  • Nº da patente:
    PI 1107284 9
  • Nível de prontidão tecnológica:
    TRL
  • Autor(es):
    Pedro José Rolim Neto, Larissa Araújo Rolim, Lariza Darlene Santos, Rosali Maria Ferreira, Alexandre José da Silva, Antônio José Alves, Maria Bernadete Maia, Ana Flávia Vascocelos, Laíse Lopes Chaves, Amanda Carla Quintas, Maria Luíza Carneiro
  • Titularidade:
    Universidade Federal do Pará