Universitec mapeia interessados em realizar atividades de Empreendedorismo e Inovação em 2020

Atualizado em: 17/03/2020 às 21:13
Tempo de leitura: 2 minutos

A Coordenação de Empreendedorismo da Agência de Inovação Tecnológica da UFPA divulgou, nesta segunda-feira, 16, um formulário on-line direcionado aos interessados em realizar, por conta própria ou em parceria com a Agência, atividades ligadas ao Empreendedorismo e à Inovação em 2020. O formulário pode ser acessado aqui e deve ser preenchido até o dia 27 de março.

A intenção do mapeamento é identificar as iniciativas ligadas ao Empreendedorismo e à Inovação realizadas na Universidade, bem como mapear potenciais parceiros interessados em propor atividades voltadas às temáticas. Com isso, a Universitec conseguirá identificar possíveis sinergias entre os seus projetos e aqueles desenvolvidos por outros atores interessados nas temáticas, sejam eles professores, técnicos ou organizações de alunos que já conduzem ou queiram conduzir iniciativas nessa seara ao longo deste ano.

“Essas parcerias tendem a ser fundamentais para alavancar os resultados das iniciativas vigentes e alicerçar o surgimento de outras tantas, a exemplo da Plataforma UFPA de Impacto, que integra o projeto de institucionalização da Inovação Social criado pela Agência com apoio da Ashoka Internacional”, afirma o coordenador de Empreendedorismo da Universitec, professor José Augusto Lacerda.

Histórico – Há mais de uma década, a Agência de Inovação Tecnológica da UFPA fomenta o Empreendedorismo e a Inovação na região amazônica, seja apoiando projetos criados por estudantes, professores e empreendedores, como o Time Enactus UFPA e as empresas juniores, seja por meio de iniciativas próprias, como o Programa de Incubação de Empresas de Base Tecnológica (PIEBT), o Desafio Inove+, o Café Empreendedor, o StartNow, o Empreendedorismo em Tela, o Curta Essa Ideia! e o Ponto Motirõ.

Todos esses esforços se fortalecem por meio da Trilha de Formação Empreendedora, um conjunto amplo e diversificado de cursos, oficinas, palestras e rodas de conversa sobre tópicos, ferramentas e metodologias interessantes para todos que desejam converter o conhecimento acadêmico-científico em soluções inovadoras, capazes de atender as demandas da sociedade e do mercado.

Reafirmando o seu caráter plural, a edição de 2019 da Trilha contou com atividades sobre Internet das Coisas, Google Design Sprint, Modelo de Negócios, Metodologias Ágeis, Negócios de Impacto, Teoria U e Assessoria de Imprensa para Startups. Todas conferindo certificados para seus participantes, facilitadores e organizadores.