Mining Hub e Vale anunciam primeira oportunidade de desafios para startups de 2021

Atualizado em: 04/02/2021 às 16:30
Tempo de leitura: 2 minutos

O Mining Hub, programa de inovação aberta executado pela Neo Ventures em parceria com a Vale, lança o M-Spot Ciclo 2, um programa customizado para solucionar 16 desafios da mineradora em seis diferentes áreas: cadeia de valor, energia, geotecnia, saúde e segurança, gestão de ativos (mina) e gestão de ativos (usina).

Em sua primeira versão, foram disponibilizados mais de 2 milhões de reais para as startups e empresas de base tecnológica selecionadas para a implementação das provas de conceito, que estão em andamento nas áreas internas da Vale. Para a segunda edição do programa, o valor pode ser ainda maior.

Segundo Júlio Barbosa, do time de Inovação Aberta da Vale, o sucesso da primeira edição gerou grandes expectativas para o segundo ciclo do M-Spot. “Tivemos no Ciclo 1 aproximadamente 200 inscrições de diversos países e estados brasileiros. O alcance que o programa tem tido e a notoriedade nos fazem acreditar que esta é uma caminhada de sucesso, em que os dois lados ganham e aprendem juntos: as empresas e o ecossistema de inovação”, ressalta. A expectativa do Mining Hub também é alta. “Estamos animados para essa nova rodada de desafios em busca de inovações, destacou Claudia Diniz, diretora executiva do Mining Hub.

O programa M-Spot é organizado pela Aceleradora Corporativa Neo Ventures, que possui mais de 12 anos de experiência com projetos na área de inovação e já está executando com sucesso outros programas de inovação com várias etapas on-line. Devido à pandemia, o segundo ciclo também será realizado por meio de encontros e meetups virtuais. Ao final, programa possibilitará que startups se aproximem de uma grande empresa e consigam prosperar ainda mais.

As inscrições começaram em 7 de janeiro e vão até 7 de março. Para se inscrever e conhecer mais sobre o programa e os desafios, clique aqui.

Etapas do Mining Hub

Depois de selecionados, as startups passarão por cada uma das fases abaixo:

Imersão

Etapa de detalhamento das propostas de cada startup pré-selecionada na etapa anterior. O resultado deste trabalho será o insumo para seleção de uma startup que apresentar a melhor solução para Implantação da Prova de Conceito (POC). Os candidatos terão acesso direto à mineradora Vale e à equipe gestora do programa para compreender o desafio, construir e validar uma proposta. As startups que participarem do bootcamp terão seu cadastro de fornecedor feito na Vale para oportunidades futuras.

Implantação

Período de cinco meses, no qual a startup irá implantar a POC na Vale, de acordo com a proposta de trabalho definida no bootcamp.

Demoday

Evento que celebra o encerramento do ciclo do programa, no qual as startups apresentam os resultados das POCs.

Leia também