Incubadora da UFPA está entre as dez finalistas da 2° edição do Desafio de Incubação e Aceleração de Impacto

Postado em 10 de julho de 2017

O Programa de Incubação de Empresas de Base Tecnológica da UFPA (PIEBT) em parceria com a Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá foram selecionadas entre as dez incubadoras e aceleradoras finalistas da 2° edição do Desafio de Incubação e Aceleração de Impacto. Por isso, de 24 a 26 de julho, as instituições vão apresentar, em São Paulo, o plano de ação que foi produzido para apoiar empreendimentos com temáticas sociais e ambientais. Caso sejam escolhidas, elas receberão um prêmio de R$ 25 mil para colocar em prática as ações planejadas.

O Desafio é parte integrante do Programa de Incubação e Aceleração de Impacto, fruto de uma parceria entre a Anprotec, o Instituto de Cidadania Empresarial (ICE) e o Sebrae, que tem o objetivo de mobilizar aceleradoras e incubadoras de todo Brasil para incluírem ou ampliarem a atuação com negócios de impacto social. O programa inclui: capacitação presencial e online, mentoria e o Desafio de Incubação e Aceleração de Impacto.

O processo de participação começou em dezembro de 2016, quando os programas fizeram parte de um workshop em Brasília. De janeiro a abril de 2017 foram realizadas as capacitações online e no mês de maio as incubadoras escreveram o plano de ação. O desafio recebeu 42 inscrições  de 17 estados de todo o país. No entanto, apenas 26 entregaram o plano e as dez finalistas, duas de cada região, foram selecionadas.

Nesta etapa final, apenas uma aceleradora/incubadora de cada região será escolhida. Além da premiação em dinheiro, elas também terão mentoria dos associados do ICE e vouchers de serviços do Sebrae para os negócios de impacto apoiados pelas instituições.

“O mais importante desse processo todo é a inserção dessas políticas de alto impacto na atuação da nossa incubadora. Conhecer esses negócios que atuam em escala nacional, que geram retorno financeiro, e ainda resolvem os problemas ambientais e sociais é um trabalho de grande valor”, comenta Iara Neves, Coordenadora do PIEBT.

O ICE

O Instituto de Cidadania Empresarial é uma organização que desenvolve uma articulação de líderes e atua no fomento de Inovações, que possam gerar impacto positivo em populações de baixa renda. A visão da instituição é mobilizar mais recursos com empresários e investidores, para iniciativas com impacto social positivo mensurável e sustentabilidade financeira.

 Finalistas do Desafio de Incubação e Aceleração de Impacto 2017

Região Norte

AM – AmIC – Incubadora Amazonas Indígena Criativa

PA – Programa de Incubação de Empresas de Base Tecnológica da UFPA + Fundação de Ciência e Tecnologia Guamá

Região Centro-Oeste

DF – Incubadora de Empresas de Base Tecnológica do Programa Multincubadora de Empresas do CDT/UnB

MT – Arca Multincubadora

Região Nordeste

PB – ITCG – Incubadora Tecnológica de Empreendimentos Criativos e Inovadores

PE – Programa de Fortalecimento de Negócios de Impacto Social da Anpecom

Região Sudeste

MG – Techmall S.A.

SP – A Banca Produtora Cultural Social de Impacto

Região Sul

RS – Ieitec – Instituto Empresarial de Incubação e Inovação Tecnológica

SC – Celta – Centro Empresarial para Laboração de Tecnologias Avançadas